História da Terapia online

Durante a pandemia houve um aumento na procura de atendimento psicológico no Brasil e no mundo, enquanto simultaneamente houve a impossibilidade de realizar encontros presenciais com os psicólogos. Com isso o atendimento psicoterapêutico online ganhou forças e se tornou conhecido e bem aceito.É provável que você já tenha ouvido falar sobre “psicólogo online”, “terapia online” ou “psicoterapia online”. Independente do termo, a sessão de terapia online tem como maior objetivo oferecer os mesmos benefícios do atendimento presencial, tudo isso seguindo e mantendo as orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS) de distanciamento social, e do conselho de ética de psicologia (CRP).

Há muito tempo se discute sobre a realização de tratamentos via novas tecnologias digitais, e o Conselho Federal de Psicologia iniciou esse processo de resolução em 2018 sobre a regulamentação da terapia online. Com o advento da pandemia, o CRP emitiu a resolução 04/2020, reforçando a importância da ética profissional para a construção de um cenário positivo para o atendimento online. Assim pode se notar um fator importante, durante a pandemia muitas pessoas que não faziam terapia passaram a fazer. O tratamento online possibilitou ampliar as possibilidades dos atendimentos e horários, com a segurança do atendimento sem encontro físico, facilitando a busca para quem procura por psicólogos.

O que é a terapia online?

A terapia online é a forma de atendimento psicoterápico que acontece no canal digital de atendimento, ao invés do encontro presencial. O canal digital contempla todo o grupo de ferramentas que permite a conversa com o terapeuta através da internet, como chamada de vídeo do Whatsapp, Teams, Google Meets, Zoom, entre outros.

Como funciona a terapia online?

A terapia online funciona com as mesmas características que a presencial, tendo uma duração que pode variar de 30 a 50 minutos (sendo 50 minutos o mais frequente e recomendado). Idealmente acontece via uma chamada de vídeo em qualquer plataforma (chamada de vídeo do Whatsapp, Skype, Google Meets, Microsoft Teams, entre outros). Durante este atendimento é essencial que o paciente encontre um lugar seguro e privado para o atendimento, para garantir que o processo terapêutico aconteça. Inúmeras síndromes e transtornos podem ser tratadas utilizando-se do formato online, desde casos de ansiedade, depressão, Burnout, entre outros.

A psicoterapia online é tão eficaz quanto a presencial?

Sim. O que torna o processo terapêutico eficaz é a relação entre profissional e paciente e principalmente o desejo por parte do paciente de que ele evolua em relação ao conflito que será trabalhado durante as sessões. Ou seja, se o paciente estiver disponível para tornar o processo terapêutico eficaz, ele será, seja na modalidade presencial ou online.

Quais são as vantagens da terapia online?

Existem algumas vantagens ao fazer terapia online, que listamos abaixo:

  • Redução do tempo e desgaste com o deslocamento;
  • Facilidade de agendamento;
  • Conforto e segurança do lar;
  • Acesso à profissionais qualificados por perfil e não por proximidade/acesso;
  • Evita o cancelamentos por dificuldades de sair de casa.

Psicoterapia online é a melhor opção?

O que precisamos deixar claro é que uma modalidade não exclui a outra, sendo assim, o paciente pode escolher em qual modalidade se sente melhor para realização da terapia. A maior vantagem do atendimento on-line é que o paciente ganha mais tempo para realização de outras atividades. O período que estaria no trânsito para chegar até a clínica está livre para outras opções. O paciente também pode ter maior conforto em sua casa ou local em que irá realizar a sessão. Em resumo, psicoterapia online é a melhor opção quando é a preferência do paciente.

A exceção é para crianças com 6 anos ou menos, em que o atendimento presencial é essencial para construção do vínculo, do lúdico e dos limites.

Psicoterapia online é seguro?

Sim, o psicólogo sempre irá desenvolver suas atividades com base nas diretrizes de conduta e ética do CRP. O indicado é utilizar um canal seguro para realização da transmissão de vídeo, utilizar durante toda a sessão fones de ouvido e estar em um ambiente privado, onde esteja somente o paciente para realização da terapia online.

Se você ficou com alguma curiosidade ou até vontade de realizar uma sessão online, entre em contato, o processo será tão rico quanto presencial.

Escrito por:

Psicóloga Daniella Borges CRP: 06/164488

Psicólogo Eric Heibel CRP: 06/164529

Psicólogos

Eric Heibel

CRP: 06/164529
Psicólogo Clinico
Atendimento de adultos e adolescentes

Daniella Borges

CRP: 06/164488
Psicóloga Clinica Comportamental

Contato

Entrem em contato conosco e agende uma conversa.