Você percebe que sua vida a dois tem gerado alguns atritos? Com o tempo, o desgaste de uma relação pode trazer maiores desafios para manter a harmonia. Entenda mais sobre como funciona uma terapia de casal, e como ela pode te ajudar.

Quando procurar um psicólogo(a).

Os motivos podem ser variados, mas uma linha clara entre as motivações são os problemas de comunicação, que geralmente é acompanhada de um esgotamento de ambas as partes. A falta de empatia e de entender o limite do outro acaba gerando atritos frequentes e fazem com que o casal procure uma solução.

Importante entender que o ideal é procurar uma terapia de casal nos primeiros sinais de conflitos e desencontros na comunicação. Evitar o desgaste extremo é importante e facilita uma abertura maior dos sentimentos, sem criar muros na relação. Mesmo em uma relação que já está um pouco mais desgastada, procurar pela terapia é o primeiro passo para a solução. 

Criando um espaço seguro na relação

A terapia de casal é um espaço no processo terapêutico reservado para que ambos possam entender seus sentimentos e expor de forma saudável. Dentro dessa modalidade de terapia, o casal vai falar sobre angústias, pensamentos, sonhos, frustrações, raivas e qualquer outra necessidade que faça parte do conflito existente para ser desenvolvido ao longo das sessões. 

O psicólogo atuará como mediador, através de um espaço de sigilo e respeito com objetivo de facilitar a comunicação entre o casal e trabalhar as demandas, sempre objetivando a melhoria da comunicação do casal. 

Papel de um(a) psicólogo(a) na terapia

Um ponto de atenção que muitos pacientes possuem dúvidas é sobre a atuação do psicólogo. Em hipótese alguma o papel do psicólogo é fazer escolhas ou tomar decisões pelo casal, essas decisões são de responsabilidade dos próprios pacientes.

O psicólogo também não ficará em posição de concordância com qualquer um dos participantes da sessão, mas terá uma atuação neutra, dando espaço para ambos falarem sobre o que quiserem.

Na terapia o psicólogo conduz o casal como um mediador, que aos poucos e de forma cuidadosa insere questões para reflexão de ambos. Trabalha para promover uma conversa saudável entre os parceiros, com a intenção de tirar o casal de um estado de busca da razão, para a busca da compreensão e assim encontrar as soluções. 

Identificando problemas

A terapia será importante na vida do casal para ajudá-los a identificar o que gera atrito ou aprofundar em conflitos já existentes. A partir disso haverá uma análise dentro da terapia e dado espaço para ambos falarem sobre quaisquer questões  sob suas próprias percepções e também trabalhando o entendimento do ponto de vista do parceiro(a)

Existem alguns problemas que geralmente um casal pode passar e procuram auxílio, que são:

  • Perda da confiança e/ou traição
  • Brigas e a perda do respeito
  • Diferença de pensamentos sobre o futuro
  • Vida sexual
  • Problemas financeiros
  • Educação dos filhos
  • Dentre outros

Trabalhando as soluções

Para tornar esse trabalho possível, o psicólogo vai utilizar da comunicação e escuta ativa para as análises importantes. Nessa relação além da comunicação clara, deve haver muito respeito e empatia, partindo tanto do profissional quanto por parte dos pacientes. Na terapia o casal terá a oportunidade de:

  • Trabalhar a Escuta
  • Entender as necessidades do outro
  • Compreender o próprio sentimento e do parceiro(a)
  • Responder de outra maneira frente às suas queixas
  • Dentre outras

Sendo esses pontos fundamentais para trabalhar quaisquer conflitos, dar espaço para outro falar e escutá-lo é essencial para desenvolver habilidades no processo terapêutico.

Conclusão

Alguns casais têm medo, vergonha ou não sabem o quanto a terapia pode ajudar. Se você está em busca de melhorar seu relacionamento, de trabalhar questões que são incômodas para o casal ou dificuldades relacionadas ao convívio, a terapia pode te ajudar. Procure por nossos psicólogos e solicite um atendimento experimental para entender a dinâmica na prática.

Daniella Macedo Borges
Psicóloga – CRP 06/164488

Eric Heibel
Psicólogo – CRP: 06/164529

Psicólogos

Eric Heibel

CRP: 06/164529
Psicólogo Clinico
Atendimento de adultos e adolescentes

Daniella Borges

CRP: 06/164488
Psicóloga Clinica Comportamental

Contato

Entrem em contato conosco e agende uma conversa.